pexels-henry-&-co-1939485.jpg

CODENSA-PRO: Desenvolvimento de concreto autoadensável para a produção de elementos estruturais esbeltos protendidos

Na busca por um desenvolvimento tecnológico atingindo critérios de desempenho e sustentabilidade surgem, em diversos âmbitos, interesses que, juntamente à crescente utilização de melhores materiais, nos levam ao desenvolvimento de materiais de “high permormance” na indústria da construção com o objetivo de satisfazer as novas demandas do mercado. No setor da construção civil, concretos de alto desempenho autodensáveis já são utilizados amplamente para diversos propósitos. O objetivo deste projeto é o desenvolvimento de concretos autodensaveis técnica e economicamente competitivos para a produção de peças/elementos estruturais protendidos esbeltos.


O concreto autoadensável é considerado como uns dos maiores avanços na tecnologia dos materiais de construção, devido as importantes vantagens na redução do tempo de execução da obra (representada pela maior produtividade), assim como o desenvolvimento de um material tecnicamente mais competitivo pelo desenvolvimento de elevadas resistências mecânicas, assim como, de excelente acabamento superficial. O elevado desempenho deste tipo de concreto em estado fresco permite atingir uma melhor habilidade no preenchimento de formas (especialmente com elevada densidade de armaduras ou formas complexas). A produção de concreto autoadensável exige processos de produção mais controlados, fornecimento de matérias primas com baixa heterogeneidade, cálculo de dosagem (ou traço) mais refinado/ajustado, quando comparados com concretos tradicionais. 


Atualmente, o mercado da construção de estruturas industriais está solicitando projetos com maior complexidade, grandes vãos livres e rapidez executiva. Neste cenário o uso de estruturas pré-fabricadas protendidas tornam-se vantajoso, pois aliam a facilidade da industrialização e racionalização, a possibilidade de emprego de vãos de grande magnitude.


Em especial, sendo o Rio Grande do Sul um importante produtor agrícola, galpões e armazéns destinados ao estoque e produção de adubo são abundantes. Estes produtos quando armazenados a granel resultam em ambientes agressivos aos materiais metálicos pois possuem em sua composição elementos que atuam como catalizadores da corrosão. Assim, o concreto pré-moldado protendido passa a ser uma alternativa viável, também, pela maior durabilidade proporcionada. Contudo, para viabilizar vãos equivalentes às estruturas metálicas com o uso de estruturas de concreto pré-fabricado é necessário desenvolver e empregar elementos extremamente esbeltos de maneira que o peso próprio dos elementos seja reduzido.

1/1
premil.png
fatec.png